...

B. O. ANIMAL

Página de Registros de Denúncias, Notícias e Informações da Causa Animal.

sexta-feira, 6 de abril de 2012

Policial é filmado executando cavalo à tiros em Rondônia

SANGUE FRIO - PRF mata cavalo a tiros na BR 364 em Rondônia

Um vídeo amador gravado recentemente por um motorista que trafegava pela BR 364, nas proximidades da capital de Rondônia,  mostra a selvageria de um policial rodoviário que contrariando todas as leis constantes no código de conduta da corporação usa a sua arma e mata covardemente um cavalo que estava solto nas margens da rodovia. O animal indefeso cai na pista agonizando e recebe mais disparos.

O Policial identificado como Jerfson Reges Ramos Ramos  <- (Perfil no Facebook)  foi filmado executando um cavalo com 3 tiros, o último na cabeça do animal que agonizou por alguns minutos.



O crime ocorreu em Março/12 (foto com data abaixo) e desde então tem sido compartilhado por internautas que buscam por Justiça. Hoje o caso foi exibido e denunciado pela TV Band Minas.




Todas as informações podem ser encontradas no link do Jornal Eletrônico Rondoniaovivo: http://www.rondoniaovivo.com/noticias/sangue-frio-prf-mata-cavalo-a-tiros-na-br-364-em-rondonia-video/86440  assim como a declaração do suposto 
Policial acusado Jerfson Reges Ramos Ramo:


Sobre o comentário acima, lido e analisado com as imagens do abate, não havia ferimento tão grave que pudesse comprovar tamanha urgência em "por fim" à dor do cavalo. O animal estava de pé e caminhando quando foi surpreendido por tiros com arma de longo alcance, disparados a poucos metros do animal. Tampouco esta atitude bárbara pudesse ser encarada como a solução para animais acidentados. 

O Policial questiona a falta de atendimento médico e justifica sua atitude como certa, mas então... e se fosse o contrário? E se o proprietário do veículo precisasse de atendimento médico urgente ele seria baleado e poderia se sentir agradecido pela atitude do Policial de "por fim" à sua dor? Não podemos esquecer que a maioria dos Postos De saúde e Hospitais do País sofrem com a precariedade e superlotação, deixando de atender até em casos gravíssimos, muitas pessoas morrem na fila de espera, agonizam por horas até a morte, ninguém atira neles para "por fim" a dor! Ainda bem não é?

Inconformados com as explicações de Jerfson, alguns comentários se destacaram por  provarem crime ambiental e despreparo do Policial Federal:




Até últimas informações, nada foi feito.
Buscamos o apoio dos regionais em busca de punição ao acusado e soluções de melhoria e apóio à ONG's locais!


SAIBA COMO DENUNCIAR MAUS TRATOS E ABANDONO!