...

B. O. ANIMAL

Página de Registros, o Blog B.O.Animal ajuda a denunciar e arquivar casos testemunhados por Protetores e Simpatizantes da Causa Animal para não se deixar esquecer dos agressores (nem sempre punidos) e cúmplices de maus tratos e ocultação da verdade. Além de oferecer matérias importantes e interessantes sobre a vida animal, saúde, idade, alimentação, receitas caseiras, tirando dúvidas entre leitores sobre tratamentos e socorros!

Demos o primeiro passo, buscamos apoio e lutamos por Justiça às Vítimas, fatos que foram testemunhados e registrados por Protetores e Simpatizantes da Causa Animal são divulgados e arquivados, não conheceríamos os três maiores criminosos de outra forma: CAMILA CORREIA, DALVA LIMA DA SILVA e CLÁUDIO CÉSAR MESSIAS.

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Homem atira e mata cães em SP


                                           



Alan SchneiderDo G1 Rio Preto e Araçatuba

Cão está se recuperando, mas estado ainda inspira cuidados (Foto: Rodrigo Mansil / TV TEM)Cão está se recuperando, mas estado ainda
inspira cuidados (Foto: Rodrigo Mansil / TV TEM)

O pastor belga que sobreviveu a um disparo de espingarda continua em recuperação em Itajobi, no interior de São Paulo. O animal recebe os cuidados da veterinária Andréia Cristina Ambrizzi. Ela mesmo deu o nome ao animal: “Sargento”.
De acordo com informações de funcionários da clínica, o estado de saúde do cão é estável, mas preocupa, já que o tiro atingiu a cabeça. “Sargento” apresenta dificuldade para andar, mas se alimenta normalmente. Na quarta-feira (5), a veterinária disse que o animal ainda corria risco de morte por causa do local do ferimento. No entanto, toda medicação necessária está sendo aplicada e a expectativa é de recuperação.
O policial Humberto Pereira, que atendeu a ocorrência em uma propriedade rural em Nova Cardoso, distrito de Itajobi, revelou que pretende adotar “Sargento” depois que o cão receber alta da clínica.
O autor do disparo, o antigo dono do cachorro, chegou a ser preso, mas foi liberado após pagar fiança. Segundo a polícia, ele atirou também em outros dois cachorros, que morreram. Os animais estariam matando galinhas e outros animais na fazenda dele. O homem vai responder em liberdade pelo crime de maus tratos.